Topo
25 de September de 2017
Balanço parcial da Operação Muralha

Balanço parcial da Operação Muralha

As atividades de fiscalização realizadas no âmbito da Operação Muralha vêm atingindo o objetivo de fortalecer o Estado, por meio da integração entre a Receita Federal e as forças policiais, no combate aos crimes de fronteira, elevando a percepção de risco e a presença fiscal nesta região da tríplice fronteira.


No período de 03 a 16 de maio, que corresponde a 14 dias de Operação Muralha, as atividades na região oeste do Paraná foram realizadas principalmente na barreira de fiscalização instalada próximo à praça de pedágio situada no município de São Miguel do Iguaçu/PR e em estradas secundárias da região.


Foram realizadas até o momento cinco prisões em flagrante, tendo sido apreendidos dois menores portando drogas. Apreensões de aproximadamente 244 quilos de maconha; uma arma e 350 munições; 40 comprimidos de medicamentos e anabolizantes e aproximadamente R$ 2,4 milhões em mercadorias apreendidas. Além disso, foram retidos 20 veículos, sendo onze ônibus, oito veículos de passeio e um caminhão.


A Operação Muralha, que envolve servidores da Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal,Exército, Marinha, Polícia Militar do Paraná, Polícia Civil e Departamento de Inteligência do Paraná, teve início no dia 3 de maio por período indeterminado.


Esta ação está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF) e tem por finalidade o fortalecimento do controle e da fiscalização visando prevenir e combater os crimes de contrabando e descaminho, tráfico de drogas, armas, munições, medicamentos e outros crimes praticados, em especial com enfoque em produtos que ingressam ao Brasil vindos do Paraguai.



Fonte: Receita Federal - Foz do Iguaçu

Tags


Compartilhe

Google+