Topo
18 de November de 2017
Detran oferece exame médico especial em Foz do Iguaçu e Irati

Detran oferece exame médico especial em Foz do Iguaçu e Irati

Motoristas e candidatos à primeira habilitação com necessidades especiais já podem fazer o exame médico obrigatório em duas novas clínicas credenciadas ao Departamento de Trânsito do Paraná (Detran) em Foz do Iguaçu e Irati. Com isso, já são seis cidades paranaenses com o serviço, que também é oferecido em Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel e Toledo.


“Antes, estes exames só eram realizados na Capital. O motorista do Interior do Estado tinha que gastar com viagem, hospedagem, alimentação, além de enfrentar longas filas de espera. Em 2011, o governado Beto Richa nos deu a incumbência de acabar com este problema e esta foi uma das nossas prioridades. Hoje, a espera pelos exames especiais não ultrapassa 10 dias”, lembra o diretor-geral do Detran, Marcos Traad.

Para cobrir os custos das clinicas privadas, sem sobrecarregar os usuários, o Governo do Paraná subsidia parte do valor total do exame. Atualmente, a taxa é de R$ 104,33 e pode ser paga com cartão de débito de qualquer banco nos terminais de autoatendimento do Banco do Brasil e do próprio Detran.

Nos últimos seis anos, 16.333 exames especiais foram feitos pelo Detran e clínicas credenciadas no Paraná. Em 2010, quando 1.336 exames foram registrados, o tempo de espera chegava a seis meses. Em 2016, foram realizados 4.014 exames, sem filas.

RESPEITO - As novas clínicas credenciadas na região Oeste e Centro-Sul do Estado começaram a atender em janeiro. Em Foz do Iguaçu, neste primeiro mês de funcionamento, foram feitos quatro exames. Em Irati houve sete atendimentos. Entre elas, o vendedor Marcos Roberto Ribeiro, de Guarapuava.

“Para mim foi bem melhor, pois ficou muito perto da minha cidade. Eu teria um gasto financeiro muito maior se tivesse que ir até Curitiba, sem contar o tempo de deslocamento. Foi tudo muito rápido também, fui renovar minha habilitação e em uma das etapas do exame de aptidão física e mental o médico constatou que eu estava sem forças na mão direta. Depois disso, ele me encaminhou para o exame médico especial e eu já fiz”, conta ele.

COMO FUNCIONA - Os exames especiais são feitos por dois especialistas em medicina de tráfego, que realizam uma perícia para analisar o desempenho da pessoa com necessidade especial para a direção do veículo e, se for o caso, apontar as adaptações obrigatórias.

O agendamento pode ser feito em um Centro de Formação de Condutores, em uma das unidades do Detran ou diretamente pelo site da autarquia www.detran.pr.gov.br, no menu “Habilitação”.

ENDEREÇO - Clique AQUI para acessar a lista com o endereço das clinicas credenciadas em todo o Paraná.

Fonte: Agência de Notícias

Tags


Compartilhe

Google+