Topo
22 de September de 2017
Entrega da Comenda Nelson Simonatto e palestra com o Juiz Federal do Trabalho marcam o evento Dia da Indústria

Entrega da Comenda Nelson Simonatto e palestra com o Juiz Federal do Trabalho marcam o evento Dia da Indústria

Tradicionalmente a ACIME realiza o evento em comemoração ao Dia da Indústria, como forma de prestigiar e valorizar os industriais que tanto contribuem para o desenvolvimento de Medianeira e região.


Nesse ano, a comemoração aconteceu na noite da última sexta-feira (19), na Sede Social do Clube União.


Com um público de aproximadamente 300 pessoas, estiveram presentes no evento, representantes do poder público, do poder legislativo, da Caciopar, da Faciap, diretores da Acime, o diretor da UTFPR Medianeira, o gerente regional do SENAI, associações empresariais da região e empresários/associados de Medianeira.


O evento iniciou com um delicioso jantar. Logo após, a comemoração seguiu com o cerimonial e entrega da Comenda Nelson Simonatto aos senhores Plínio Valiati e Seno Claudio Lunkes, duas pessoas que contribuíram fortemente para o desenvolvimento e o fortalecimento do setor industrial de Medianeira.


Para o presidente da Acime, Lucas Eduardo Ghellere, é sempre uma honra prestar uma homenagem para aquelas pessoas que marcaram e ainda continuam marcando a história de Medianeira e que prestaram uma grande contribuição para o desenvolvimento do setor industrial e do município como um grande polo gerador de empregos e de produção principalmente no setor agroindustrial. “É com grande satisfação que entregamos a Comenda Nelson Simonatto ao senhor Plínio Valiati, patriarca da família Valiati e um dos precursores da Friella, empresa que hoje emprega tantas pessoas de Medianeira e região e o senhor Seno Claudio Lunkes, ele que é um dos grandes entusiastas de todo o sistema cooperativista do nosso município”, declara.


Após as homenagens, o evento finalizou com a palestra com o Juiz Federal do Trabalho, Dr. Marlos A. Melek, ‘Trabalhista! E agora? A pergunta que milhões de empresas fazem por ano em um ambiente hostil para os negócios’.


O Dr. Marlos Melek, foi nomeado pelo governo Temer para auxiliar na elaboração da reforma trabalhista, é Juiz Federal do Trabalho há 11 anos. Foi Juiz Corregedor Nacional de Justiça Auxiliar no Conselho Nacional de Justiça - CNJ; Juiz Corregedor Regional Auxiliar no Tribunal Regional do Trabalho da 9a Região; Juiz Auxiliar da Presidência do Tribunal Regional do Trabalho da 9a Região e Juiz nas Varas de Araucária e Campo Largo. É Pós-Graduado em Direito e em Administração de Empresas. Formado em Aviação Civil, na função de Comandante. Comendador pelos Estados do Paraná, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Pará.


Em sua palestra, o Juiz falou sobre os temas em que as empresas mais sofrem condenações na Justiça do Trabalho. Apresentou estatísticas de crise, eficiência, eficácia e Custo Brasil, e inseriu o Direito do Trabalho num contexto globalizado apontando a necessidade de segurança jurídica e reforma trabalhista para tornar o ambiente de negócios menos hostil. Demonstrou pontos de contato entre a Ciência do Direito e a Ciência da Administração, para que o Direito deixe de ser uma ameaça para as empresas.


Fonte: ACIME

Tags


Compartilhe

Google+