Topo
22 de April de 2018
Possível parceria com a Universidade do Texas fortalecerá a cultura da inovação no Estado

Possível parceria com a Universidade do Texas fortalecerá a cultura da inovação no Estado

O fortalecimento da cultura da inovação, a formação de profissionais empreendedores e o incentivo a pesquisa aplicada no Estado devem ser estimulados a partir de uma possível parceria com a Universidade do Texas (UT Austin).

Na última semana, representantes do Instituto Federal do Paraná (IFPR), acompanhados de lideranças locais, reuniram-se com dirigentes da universidade, nos Estados Unidos. Se formalizada, a parceria com a instituição terá como base a transferência tecnológica sustentável, profissional e globalmente competitiva, orientada para mercados internacionais. Combinando tecnologia educacional, empreendedorismo e inovação; busca-se preencher a lacuna entre ideias e necessidades de mercado, potencializando a geração de empreendimentos inovadores.

“Para o Instituto, o intercâmbio de conhecimentos desta parceria trarão benefícios relacionados a aplicação da ciência em benefício da comunidade. Por se tratar de ensino profissional, precisamos ter a aplicação do conhecimento, assim é importante fortalecer essa cultura de inovação dentro da instituição”, destacou o diretor do IFPR campus Foz do Iguaçu, Nelson de Castro Neto.

Neto explica que a intenção é, ainda no primeiro semestre, dar início ao programa Innovation Corps (I-Corps), que capacitará pesquisadores para avaliar o potencial comercial das descobertas científicas. Deverá envolver docentes, discentes e pessoas do mercado (da indústria e do comércio). Futuramente, pensa-se em formatar um mestrado com o mesmo foco – inicialmente com professores da UT Austin, que em um processo de transferência de conhecimento capacitem docentes nacionais na metodologia da universidade.

A UT Austin é internacionalmente reconhecida pela sua experiência no fortalecimento à inovação. Atuou no processo de aceleração de centenas de empresas e vem disseminando o conhecimento na área de valorização e comercialização de tecnologia, com metodologia prática fundamentada em conceitos científicos. Implementou programas de educação, treinamento, capacitação e infraestrutura em mais de 14 países, auxiliando o crescimento comercial doméstico e internacional, por meio do desenvolvimento de negócios.

Fonte: Instituto Federal do Paraná - Assessoria de comunicação

Tags


Compartilhe

Google+