Topo
24 de May de 2018
Somente em uma escola estelionatário fez mais de dez vítimas

Somente em uma escola estelionatário fez mais de dez vítimas

Os golpes aplicados pelo suposto estelionatário J.A.M.M. e escolas de Goioerê começam a se ampliar. Conforme boletim de ocorrência registrado na Delegacia de Polícia na manhã de terça-feira, 10, somente em uma escola estadual do Jardim Curitiba houve 11 vítimas.

Conforme o B.O., o indivíduo se apresentou como representante da Polishop e tinha até os códigos da empresa, o que convenceu a pessoa que registrou a queixa e outras dez pessoas a realizarem compras de produtos eletrônicos e eletrodomésticos.

A mulher que registrou a ocorrência disse que comprou uma prancha de cabelo, no valor de R$ 400,00, para serem pagos em 12 vezes no cartão.

Houve a garantia que os produtos seriam entregues em oito dias. Como as mercadorias compradas não chegaram, as vítimas entraram em contato com o vendedor, que em princípio colocou a culpa na transportadora, mas depois parou até de atender aos telefonemas.

Houve o caso de uma pessoa que comprou um telefone celular e deu o aparelho usado como entrada, esperando receber o novo em poucos dias, e ficou no prejuízo.

A polícia recebeu a informação de que o estelionatário está agindo na região de Medianeira, mas como por enquanto ele não tem a prisão decretada, não pode ser preso, mesmo se localizado.

Fonte: Goio News

Tags


Compartilhe

Google+